quinta-feira, 15 de maio de 2014

Base aliada coloca FHC e Eduardo Campos no alvo da CPI da Petrobras

Porto de Suape e acidente com plataforma em 2001 entram na apuração

Presidente Vital do Rêgo (C) e o relator José Pimentel (D): rejeitado requerimento de convocação de Lula (Geraldo Magela/Agência Senado)
Presidente Vital do Rêgo (C) e o relator José Pimentel (D): rejeitado requerimento de convocação de Lula


A esmagadora maioria de integrantes da base governista na CPI da Petrobras no Senado, que começou nessa quarta-feira (14/5), pode se transformar em uma fonte de ataques contra o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) e ainda respingar no ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB). Adversário de Dilma Rousseff nas eleições de outubro, Campos deve ser alçado ao centro das atenções com a investigação da “interligação entre a refinaria Abreu e Lima e o Pier do Porto de Suape”, ambas em solo pernambucano. Já FHC pode ser envolvido devido ao afundamento da plataforma P-36, em 2001, que deixou 11 mortos.

Apesar de a ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), ter concedido liminar ordenando a instalação de CPI específica para investigar a Petrobras, como queria a oposição, os petistas se apegaram a brecha da indeterminação sobre os “fatos conexos” ao tema central de uma Comissão Parlamentar de Inquérito para avançar sobre Suape. Um ministro do STF ouvido pela reportagem disse desconhecer a ligação entre o porto e a Petrobras, mas observou que o tema certamente será debatido pelo plenário da Corte. Em relação ao ex-presidente tucano, foram o próprio PSDB que incluiu a “segurança dos equipamentos e dos trabalhadores” no requerimento de criação da CPI. O PT, no entanto, foi buscar no caso da P-36 uma forma de chegar à legenda.


FONTE: http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/politica-brasil-economia/33,65,33,14/2014/05/15/interna_politica,427617/base-aliada-coloca-fhc-e-eduardo-campos-no-alvo-da-cpi-da-petrobras.shtml

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.